conecte-se conosco

Distrito Federal

Canal Covid possui a maior rede de testagem para Covid-19 do DF

Rede de testagem atendeu mais de 200 mil pacientes em Brasília e é pioneira nos testes realizados na Capital Federal.

Foto: mufid-majnun-oI20ehIGNd4-unsplash

Com o enfrentamento da pandemia por Covid-19 os protocolos de segurança tem sido a chave para o combate a novos casos. Atrelado a estes protocolos estão os testes, cada vez mais solicitados em diversas ocasiões para garantir o mínimo impacto de progressão do vírus enquanto diversas atividades voltam a ser normalizadas.

No Distrito Federal o Canal Covid se mostrou pioneiro na testagem para detecção da Covid-19, atendendo a mais de 200 mil pacientes ao longo dos meses em funcionamento.

A rede de testagem Canal Covid realiza os seguintes testes:

Teste rápido IgG/IgM – solicitado quando o paciente deseja descobrir se já foi infectado pela Covid-19, se possui os anticorpos IgG após aplicação da vacina ou tem sintomas de Covid a partir de sete dias.

Teste PCR Antígeno Express – indicado para pessoas que apresentam sintomas de Covid-19 a partir de quinto dia.

RT- PCR – indicado para pessoas que apresentam sintomas de Covid-19 a partir do terceiro dia.

Sorológico quantitativo IgG/IgM – mostra se uma pessoa esteve em contato com o vírus Sars-Cov-2. Este exame diferisse do teste rápido IGG-IGM pois apresenta resultado em escala percentual na detecção quantitativa dos anticorpos.

Com a aproximação do período de férias e festas de fim de ano, as viagens voltam a entrar no foco dos brasilienses e com elas a testagem, em específico o RT-PCR, solicitada para embarques internacionais e como medida para entrada em atrações culturais e esportivas.

No Brasil, com exceção de Fernando de Noronha, a apresentação do teste não é obrigatória na hora de viajar, mas a testagem é uma importante ferramenta para garantir o controle da doença.

Brasília é uma das capitais que mais realizaram testes ao longo do ano de 2021 e a tendência com a reabertura de atrações culturais e esportivas é que o número continue em alta.

Possuindo a maior rede de testagem drive-thru do DF, com 14 pontos espalhados pela Capital Federal, o Canal Covid inova ao apresentar aos brasilienses a facilidade e segurança da testagem domiciliar.

No teste domiciliar, uma equipe com profissionais treinados e qualificados vai até a casa do paciente e realiza toda a coleta necessária para realização do exame escolhido pelo paciente.

Seguindo à risca os protocolos estabelecidos pelos órgãos de saúde, o Canal Covid garante a segurança de cada paciente e da equipe que realiza o procedimento.

Os agendamentos funcionam de maneira prática e simples, entrando em contato por número de WhatsApp disponibilizado pela rede os atendentes agendam os procedimentos que são realizados todos os dias, incluindo finais de semana e feriados.

O tempo para disponibilização dos resultados varia de acordo com o tipo de exame e são enviados ao celular do paciente, que também pode requerer o laudo em inglês para viagens internacionais.  

Não se esqueça de fazer sua parte seguindo os protocolos de segurança em saúde e realize seu teste covid sempre que necessário.

Você pode visitar o site do Canal Covid se quiser saber mais sobre cada tipo de teste, os pontos de testagem drive-thru ou ainda solicitar o teste domiciliar.

Para continuar atualizado sobre saúde, política, cultura pop e outros assuntos visite nosso site e siga o nosso perfil no Instagram @OPanoramaOficial.

Ciência e Tecnologia

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia começa hoje em Brasília

Evento tradicional desperta curiosidades e instiga saber científico

Publicado

on

Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Começa hoje (3) e vai até o dia 10 de dezembro a 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT 2021). Criada em 2004, a tradicional feira ocorre em Brasília, no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, e apresenta uma programação repleta de palestras, exposições e brincadeiras para instigar a curiosidade científica.

Voltada especialmente para os jovens e suas famílias, a exposição traz temas da atualidade e discussões relevantes no meio científico. Entre as apresentações no palco principal do evento, estão o futuro e a tecnologia dos satélites nacionais, o mapeamento de tecnologias sociais na Amazônia, plataformas de dados para doenças do espectro autista, mapeamento geográfico de bacias hidrográficas por satélite e desenvolvimento de testes de diagnóstico para covid-19 no Brasil.

“A semana acontece com todas as precauções existentes e recomendadas. Temos exposições de todas as nossas unidades de pesquisa, temos exposições do Ministério da Educação também, além de inspiração e – talvez – financiamento para quem quer empreender nas áreas de ciência e tecnologia”, afirmou em entrevista à TV Brasil o ministro da Ciência, Telecomunicação e Inovações Marcos Pontes.

Museu de rádio
A Empresa Brasil de Comunicação (EBC) também estará presente no evento. Em um espaço especial que simula um estúdio de rádio antigo, o Museu da Rádio Nacional – que normalmente é exposto nos corredores da empresa – convida os visitantes a conhecerem uma estação analógica de ondas de radiofrequência.

Palco de diversas inovações do século passado, como as novelas e os boletins informativos, o museu traz equipamentos e informações sobre uma era onde televisão e internet sequer eram imaginadas, e o único meio de comunicação – o rádio – instigava a imaginação dos ouvintes.

Sobre o evento, o presidente da EBC, Glen Valente, afirmou que a participação da Empresa Brasil de Comunicação na Semana Nacional da Ciência e Tecnologia “é muito importante para mostrar o jornalismo factual com cobertura e transmissões ao vivo. Além disso, iremos levar um pouco da história da comunicação pública com peças do nosso acervo.”

5G e conectividade
Em contraste com a história distante do rádio, A SNCT 2021 também apresenta pequenas amostras de um futuro que não está mais distante. Stands montados pelo Ministério das Comunicações apresentam para o público as inovações da quinta geração de conectividade móvel, o 5G.

Leiloado em 5 de novembro, o 5G trará ao Brasil várias inovações tecnológicas, já que permite conexão de altíssima velocidade entre uma série de dispositivos simultâneos. A chamada Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês), que permite cirurgias remotas, máquinas inteligentes e veículos autônomos estão entre as possibilidades que devem passar a fazer parte da realidade dos brasileiros nos próximos anos.

No stand, o Ministério das Comunicações apresenta vídeos e faz demonstrações da tecnologia, que será usada também para democratizar o alcance da internet em todo o território nacional.

Para o ministro Marcos Pontes, a chegada do 5G deve se aliar à instigação de possibilidades científicas nas mentes dos jovens, que serão líderes e inovadores da próxima geração de brasileiros. “A economia será uma economia de conhecimento. Países que não detêm uma área de ciência e tecnologia forte ficarão para trás no mercado internacional. O Brasil tem tudo para ser um dos protagonistas nessa área”, disse Pontes.

O ministro frisou, ainda, que a tecnologia é historicamente a base para a melhora das condições de trabalho e de produtividade, além de ser um medidor preciso da capacidade econômica da sociedade. “Ela [a tecnologia] traz melhores soluções para todas as áreas. Um país que tem a expectativa de ser protagonista, ou que quer gerar empregos, precisa investir em ciência e tecnologia. Isso reforça todos os outros setores”, concluiu.

Brasil em órbita
Entre as curiosidades, a SNCT 2021 traz satélites brasileiros que foram lançados ao espaço e que compõem a constelação de monitoramento e transmissão de dados do Brasil em órbita, como o Cbers 4-A e o Amazonia 1.

Os equipamentos, que foram construídos no Brasil por engenheiros brasileiros por meio de anos de projetos de intercâmbio tecnológico, mostram a capacidade de desenvolvimento e de capacidade da indústria aeroespacial brasileira, que “avança a passos largos”, conforme Pontes.

A SNCT 2021 é organizada e projetada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) em parceria com agências de fomento, espaços científico-culturais, instituições de ensino e pesquisa, sociedades científicas, escolas, órgãos governamentais, empresas de base tecnológica e entidades da sociedade civil. No total, 167 instituições de todo o país participam do evento, que terá 6.168 atividades ao longo da semana.

A feira pode ser visitada de 8h30 às 18h em dias de semana, e de 10h às 19h nos finais de semana.

Por: Agência Brasil

Continue lendo

Distrito Federal

Presidente do PL Jovem DF, Wesley Wenisgton comemora aniversário com festa em Brasília

Celebração aconteceu nesta quarta-feira (1/12) e reuniu várias lideranças políticas

Publicado

on

Em comemoração ao seu 29º aniversário, Wesley Wenisgton deu uma grande festa em Brasília na noite da última quarta-feira (1/12). O evento movimentou as redes sociais onde vários convidados partilharam fotos e detalhes deste momento tão importante.

A festa contou com a presença de 1.200 convidados. A ministra-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Flávia Arruda, o Coronel Vasconcelos, a deputada estadual do PSL, Talita Oliveira, o superintendente da Funasa, Wenderson Monteiro, entre outras lideranças políticas, fizeram questão de estarem presentes no evento.

O presidente do PL Jovem, Wesley Wenisgton agradeceu a presença de todos os convidados que participaram da celebração. “Meu coração está cheio de gratidão a Deus por poder partilhar esse momento tão importante para mim ao lado dos meus amigos e familiares. Me sinto lisonjeado por vocês fazerem parte da minha história”, disse.

Continue lendo

Distrito Federal

GDF acaba com W3 do lazer e libera trânsito aos domingos e feriados para aquecer o comércio

Desde junho de 2020, a avenida ficava com o trânsito interditado para carros, motos e ônibus

Publicado

on

Foto: Rayra Paiva Franco/O Panorama

Após dezessete meses da W3 do lazer, o governador Ibaneis Rocha (MDB) decidiu revogar a medida. O decreto foi publicado no Diário Oficial do Distrito Federal nesta quinta-feira (2) e passa a valer neste domingo, 5 de dezembro.

A partir de agora, os veículos voltarão a poder circular na W3 Sul aos domingos e feriados. Anteriormente a avenida ficava com o trânsito interditado para carros, motos e ônibus entre as quadras 503/703 e 512/912, sendo liberado apenas para pedestres e ciclistas.

A medida também busca ajudar o comércio da região. De acordo com o presidente do Sindivarejista, Edson Castro, os comerciantes e lojistas tiveram um diálogo com a Secretaria de Governo solicitando a abertura para aquecer o comércio durante o período natalino.

“Nós tivemos uma conversa com o Zé Humberto (José Humberto Pires, secretário de Governo) para que em dezembro estivesse aberto, justamente por causa do Natal e das festas de fim de ano”, afirmou Edson Castro.

Continue lendo

Popular