conecte-se conosco

Distrito Federal

DF: para algumas categorias, lockdown pode durar menos de 15 dias

Alta taxa de transmissão da covid-19 motivou lockdown

Foto: Rayra Paiva Franco/O PANORAMA

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, afirmou nesta segunda-feira (1º) que vai flexibilizar a abertura de atividades, como escolas e academias, com a diminuição da taxa de transmissão do novo coronavírus. A previsão do governo do DF é que o fechamento do comércio local seja mantido por, no máximo, 15 dias. 

Segundo Ibaneis Rocha, a decisão de fechar o comércio foi tomada devido à alta taxa de transmissão do vírus no Distrito Federal.

“Diminuindo a taxa de transmissão e aumentando o número de leitos de UTI vou reabrir todas as atividades, começando com as de menor impacto. O GDF depende da geração de empregos e dos impostos; é do meu maior interesse que o setor produtivo volte a funcionar”, disse o governador por meio do Twitter.

Em reunião com empresários e deputados distritais, Ibaneis Rocha afirmou que pretende abrir 130 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ainda nesta semana. Outros 200 leitos serão disponibilizados com apoio do Ministério da Saúde nos próximos dias. O GDF também negocia a contratação da rede privada para a abertura de 150 a 200 leitos.

“A culpa não é de nenhum dos setores, mas se não interrompemos o fluxo de pessoas não conseguimos diminuir o índice de transmissibilidade da doença no DF. Quando retomarmos as condições de saúde e atendimento à população, com novos leitos de UTI, nós iremos retomar as atividades aos poucos. Não vou deixar a população morrer sem atendimento”, disse Ibaneis Rocha.

Desde 00h01 de domingo (28) estão impedidos de funcionar academias, bares, boates, casas noturnas, shoppings, feiras e clubes recreativos. Restaurantes só poderão funcionar com serviço de entrega, sem abertura ao público. 

decreto de fechamento do comércio no DF libera o funcionamento de agências bancárias, lotéricas, bancas de jornais e revistas, empresas de manutenção de equipamentos hospitalares, toda a cadeia do segmento de veículos automotores e escritórios de advocacia, contabilidade e imobiliárias.

Por: Agência Brasil

Distrito Federal

Dupla é detida após roubo no setor P Sul

A dupla foi encaminhada para a 15ª DP, onde foram autuados por roubo.

Publicado

on

Foto: Rayra Paiva Franco/O PANORAMA

Policiais militares do rádio patrulhamento do 8º Batalhão prenderam dois homens após eles roubarem duas mochilas na avenida P4, do setor P Sul em Ceilândia. As duas vítimas informaram que foram ameaçadas e roubadas e informou o destino seguido pelo carro usado pelos autores, às 23h20 deste domingo (11).

O veículo suspeito foi encontrado na entrequadra 30/34 em direção a avenida P4. Iniciou-se um acompanhamento que foi até a quadra 502, no Por do Sol. Com os suspeitos foram encontrados um simulacro de arma de fogo, duas facas, porções de drogas e a mochila de uma das vítimas.

Foto: Divulgação/PMDF

Por: PMDF

Continue lendo

Distrito Federal

Homem é preso por roubo de celular na rodoviária de Brasília

Todos foram encaminhados à 5ª Delegacia, onde foi registrado a ocorrência.

Publicado

on

Foto: Rayra Paiva Franco/O PANORAMA

Um homem foi preso após roubar um aparelho celular na rodoviária de Brasília, por volta das 17h30 deste domingo (11).

Policiais militares do Grupo Tático Operacional do 6º Batalhão (Gtop 26) recebeu a informação do roubo e que o autor teria corrido em direção ao shopping Conjunto Nacional.

 A equipe foi ao local e encontrou o homem detido pelos seguranças por ter invadido o estacionamento privado do estabelecimento com o intuito de se esconder. Ele confessou o roubo e disse ter entregado o aparelho a outra pessoa na plataforma inferior da rodoviária.

A vítima reconheceu o autor do roubo e o Gtop 26 encontrou o suposto comparsa do crime, que já não estava com o aparelho e disse não ter participado do crime.

Por: PMDF

Continue lendo

Distrito Federal

PF prende suspeito de divulgar pornografia infantil na internet

Operação Tracciato cumpriu mandado em Porto Velho, Rondônia

Publicado

on

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (7) uma operação para combater a divulgação de imagens e vídeos de exploração sexual de crianças e adolescentes na internet. Batizada de Tracciato, que significa rastreado em italiano, a operação cumpriu mandado de busca e apreensão, expedido pela 7ª Vara Federal de Porto Velho, em residência localizada no bairro Eletronorte, na zona sul da capital de Rondônia.

As investigações começaram a partir de um relatório, produzido pelo núcleo da PF voltado para a repressão aos crimes de ódio e à pornografia infantil na Internet, e foram realizadas em cooperação polícia italiana.

De acordo com a PF, durante o cumprimento das buscas, o investigado foi autuado em flagrante pelo delito de armazenamento de imagens e vídeos de exploração sexual infantil.

“O detido foi levado para a sede da PF em Porto Velho, para procedimentos policiais e, ao final, encaminhado ao sistema prisional estadual, onde permanecerá à disposição da Justiça”, disse a polícia.

A PF informou ainda que o material era compartilhado pelo investigado por meio de aplicativos específicos e que também apreendeu, no interior da residência, equipamentos eletrônicos que estariam sendo utilizados na prática das condutas criminosas.

Por: Agência Brasil

Continue lendo

Popular