conecte-se conosco

Sem categoria

SP: PF faz busca por equipamentos de exploração sexual infantojuvenil

A ação foi desenvolvida nas cidades de Campinas e Várzea Paulista

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) cumpriu hoje (2) mandados de busca e apreensão para procurar equipamentos usados para armazenar e compartilhar imagens de exploração sexual infantojuvenil nas cidades de Campinas e Várzea Paulista. Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela Justiça Federal de Campinas e de Jundiaí.

Segundo a PF, as investigações começaram com a cooperação jurídica internacional e o Núcleo de Repressão aos Crimes de Ódio e à Pornografia Infantil na Internet da Polícia Federal (NURCOP) foi acionado. Foram identificados usuários de redes sociais e de compartilhamento que realizaram milhares de transmissões de arquivos contendo cenas de pedofilia.

A operação de hoje também teve como objetivo identificar outras pessoas que utilizavam esses meios para repassar o material ilegal e possíveis vítimas do grupo.

“A PF segue continuamente realizando ações dessa natureza, a fim de reprimir o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes em todas as suas modalidades”, diz a PF.

As penas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente para os crimes de produção, posse e transmissão desses arquivos ilegais podem, somadas, chegar a 18 anos de prisão.

Por: Agência Brasil

Para continuar atualizado sobre saúde, política, cultura pop e outros assuntos, lembre de checar nosso site e seguir o nosso perfil do Instagram (@OPanoramaOficial).

Clique para comentar

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Distrito Federal

Estádio Nacional Mané Garrincha recebe jogo do Flamengo e público comemora

Seguindo todas as medidas de segurança para receber o jogo, mais uma vez, o estádio foi palco para uma vitória do Flamengo, que venceu o Olímpia por 5×1 na quarta-feira (18).

Publicado

on

Foto: Rayra Paiva/ O Panorama

Com o avanço na vacinação, o Distrito Federal está aos poucos retomando atividades que ficaram suspensas devido à pandemia causada pela Covid-19. Após passar um ano e meio sem poder receber o público, o Estádio Nacional Mané Garrincha tem retomado suas ações aos poucos, seguindo todas as recomendações de saúde e segurança recomendadas pelo governo.

Assim como na primeira partida, a liberação veio acompanhada de uma série de exigências, que mais uma vez, a atual empresa responsável pela gestão do estádio Mané Garrincha, Arena BSB, conseguiu seguir, trazendo segurança para o público. A casa recebeu apenas 25% da capacidade total do estádio, disponibilizou álcool em gel pelo estádio e realizou a distribuição de máscaras de proteção.

“Pra gente, é um prazer enorme receber o Flamengo e todos os outros times do Brasil em um jogo seguro, um jogo pras famílias, pros torcedores, um jogo com todos os protocolos de segurança. A gente respeita muito a pandemia, mas não podemos nos deixar abater por ela e acho que aqui está um exemplo de como podemos fazer as coisas bem feitas sem correr riscos desnecessários”, disse Richard Dubois, presidente da Arena BSB.

Para assistir o jogo entre Flamengo e Olímpia, foi necessário apresentar exame de PCR feito nas últimas 48 horas, de acordo com o indicado no decreto. Os portões foram abertos mais cedo para evitar filas e aglomerações. Na  entrada, aferição de temperatura respeitando o distanciamento nas filas. Dentro do estádio, os torcedores precisaram fazer o uso obrigatório de máscara além de manter o distanciamento e quem foi ao jogo, aprovou as medidas de segurança.

“Vim nesse jogo de agora porque gostei muito das medidas de distanciamento, da segurança sanitária, achei muito interessante. Acho válido a questão da apresentação de exame PCR, a gente está atravessando um momento tão ruim, muito difícil e cada um tem que fazer um pouco, senão vira uma bagunça, vamos liberando aos pouquinhos com exame, com distanciamento, acho muito válido, muito legal”, opinou Dio, torcedor do Flamengo que estava com ótimas expectativas em relação ao jogo. 

Foto: Rayra Paiva/ O Panorama

No campo, a presença do público trouxe um gostinho especial para a goleada do Flamengo por 5 a 1 sobre o Olímpia. Com a vitória, o time rubro-negro carioca garantiu sua classificação para a semifinal da Libertadores.

Para continuar atualizado sobre saúde, política, cultura pop e outros assuntos, lembre-se de checar e seguir o nosso perfil do Instagram (@OPanoramaOficial).

Continue lendo

Celebridades

Após anunciar que investiria na carreira de cantora, Juliette revela nomes das músicas de seu primeiro EP

O projeto tem data de lançamento marcada ainda para o ano de 2021 e marcará estreia oficial de vencedora do ‘BBB21’ como cantora.

Publicado

on

Foto: Reprodução/ Instagram

Após anunciar recentemente que iria se lançar como cantora, Juliette Freire, de 31 anos, revelou quais são os nomes das seis músicas que estarão em seu primeiro EP. Uma foto da lista foi compartilhada no Instagram, onde é possível ver o nome das canções, são elas, Bença, Diferença Mara, Doce, Sei Lá, Benzin e Vixe Que Gostoso.

Nos comentários, vários artistas se mostraram animados com o projeto da ex-bbb21 que foi campeã da edição. Nomes como Anitta, Rafa Kalimann, Luisa Sonza, Maria Gadu e Camilla de Lucas foram apenas alguns dos que deixaram suas mensagens celebrando o EP que tem data de lançamento prevista para ainda este ano. 

Ao longo do reality show, Juliette encantou o público ao soltar a voz de forma despretensiosa. Ao sair do programa, participou de diversas lives e cantou ao lado de gigantes da música brasileira como como Gilberto Gil, Alceu Valença, Elba Ramalho e Xand Avião, a ganhadora. 

Foto: Reprodução/ Instagram

Para o primeiro EP, Juliette assinou contrato com a Rodamoinho Records, da cantora Anitta e irá trabalhar em parceria com a Virgin Music Brasil. A artista contará ainda com apoio de um time de paraibanos conhecidos no cenário musical brasileiro.

Para continuar atualizado sobre saúde, política, cultura pop e outros assuntos, lembre-se de checar nosso site e seguir o nosso perfil do Instagram (@OPanoramaOficial).

Continue lendo

Distrito Federal

Balanço: público da exemplo de “civilidade” durante jogo do Flamengo no Estádio Mané Garrincha

Com autorização do GDF para sediar jogos com presença de torcedores, a casa atuou de acordo com exigências de segurança e recebeu apenas 25% da capacidade total do estádio.

Publicado

on

Foto: Rayra Paiva/ O Panorama

Depois de um ano e meio sem poder receber o público, pela primeira vez depois que as regras de circulação em decorrência da pandemia foram flexibilizadas, o Governo do Distrito Federal liberou (GDF), o Estádio Nacional Mané Garrincha para receber uma partida de futebol com a presença do torcedores. A liberação veio acompanhada de uma série de exigências, desta forma, a atual empresa responsável pela gestão do estádio, Arena BSB, só poderia receber o evento caso todas as medidas fossem seguidas à risca.

O jogo entre Flamengo e Defensa Y Justicia aconteceu na última quarta-feira (21), seguindo de forma rigorosa todas as medidas especificadas no decreto. A casa recebeu apenas 25% da capacidade total do estádio. Para maior segurança, o público foi dividido em setores que separavam torcedores que já foram vacinados dos torcedores que apresentaram o exame de PCR feito nas últimas 48 horas de acordo com indicado no decreto.

O jogo estava marcado para às 21h30 mas para evitar qualquer tipo de aglomeração, os portões foram abertos às 17h30. Com filas devidamente sinalizadas, o público pode entrar no estádio apresentando a devida documentação, passando pela aferição de temperatura e respeitando o distanciamento que além da divisão de áreas, também aconteceu na forma como o público foi disposto, intercalando cadeira com torcedor e cadeira sem.

“É uma emoção única depois de um ano e meio, a gente ver o público aqui. Mesmo que o estádio não esteja cheio, ouvir a torcida vibrando com o jogo é uma coisa muito diferente. A gente agradece Brasília por ter tido a civilidade de mostrar que é possível fazer um evento, é possível as pessoas se divertirem com respeito e todo cuidado”, disse Richard Dubois, presidente da Arena BSB.

Foto: Rayra Paiva/ O Panorama

Entre outras medidas adotadas, a equipe do Arena disponibilizou álcool em gel pelo estádio e realizou a distribuição de 20.000 mil máscaras de proteção antes, durante e após o jogo. Desde março de 2020, as competições esportivas ocorrem sem público na capital federal.

A presença do público trouxe um gostinho especial para a goleada do Flamengo por 4 a 1 sobre o Defensa y Justicia. Com a vitória, o time rubro-negro carioca garantiu sua classificação para as quartas de final da Libertadores.

Para continuar atualizado sobre saúde, política, cultura pop e outros assuntos, lembre-se de checar e seguir o nosso perfil do Instagram (@OPanoramaOficial).

Continue lendo

Popular