conecte-se conosco

Distrito Federal

Vacinação para adolescentes de 12 anos começa hoje no DF

Dose de reforço para idosos acima de 80 anos também estará disponível

Foto: Breno Esaki/Agência Saúde

Adolescentes com idade a partir dos 12 anos já podem se vacinar no Distrito Federal. A ampliação do público-alvo foi possível após a chegada prevista de 28,08 mil doses de imunizantes da Pfizer. Apenas a vacina desse fabricante tem autorização, no Brasil, para ser aplicada em adolescentes de 12 a 17 anos.  A estimativa é que vivam 41.211 adolescentes nessa faixa etária na capital do país, segundo dados da Secretaria de Saúde do DF (SES-DF). 

Com a ampliação da idade, a campanha de vacinação do DF atinge a última faixa etária que pode receber o imunizante no Brasil. Adolescentes menores de 12 anos ainda não têm autorização oficial para serem imunizados contra a covid-19 no país. Os pontos de vacinação podem ser consultados pela página da SES-DF . 

Também hoje, começa a aplicação da dose de reforço em idosos com 80 anos ou mais que tenham recebido a segunda dose há pelo menos seis meses. Eles deverão receber prioritariamente a vacina da Pfizer ou, na falta dessa, os imunizantes da Janssen ou AstraZeneca. Na semana passada, essa dose de reforço já havia sido disponibilizada para pessoas com 85 anos ou mais, mas houve baixa procura e o governo do Distrito Federal (GDF) decidiu ampliar o público.  

Em entrevista coletiva, o secretário de Saúde do DF, general Manoel Pafiadache disse que vai em busca do público que ainda não se vacinou no DF. “Nós vamos atrás de quem ainda não se vacinou e adotar uma série de medidas, juntamente com a Subsecretaria de Vigilância à Saúde, para alcançar esse público, seja na área rural, ou criando pontos em locais específicos, como na rodoviária”, anunciou o secretário. Segundo ele, as medidas têm como objetivo alcançar pelo menos 90% da população vacinada na capital federal. “Isso é o mínimo. O ideal é que alcancemos 100%”, afirmou.

Quem também pode receber o reforço são as pessoas com alto grau de imunossupressão, que incluem doenças renais, câncer, entre outras enfermidades mais graves. Das quase 12 mil vagas abertas para esse público, apenas 4.353 haviam sido preenchidas até as 15h de ontem (27), segundo o GDF. Esse público pode receber a dose de reforço, desde que tenha recebido a segunda dose ou dose única há pelo menos 28 dias. É  necessário agendar a vacinação no site vacina.saude.df.gov.br e escolher data, local e horário.

No comprovante de agendamento o paciente será informado se há necessidade, ou não, de apresentar relatório médico. A informação ficará disponível no cabeçalho do comprovante. Quem tiver dificuldade em agendar pode acionar a Ouvidoria, por meio do site, ou se dirigir à Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima. Caso haja inconsistências no cadastro, basta fazer alteração no mesmo site

Assista na TV Brasil


Transmissão

O índice RT diário, que mede a taxa de transmissão da covid-19 no Distrito Federal, estava em 0,90 nesta segunda-feira (27), informou a Secretaria de Saúde. Isso quer dizer que cada 100 pessoas infectadas com o novo coronavírus transmitem a doença para outras 90. Há sete dias, o RT estava em 1.06. A pandemia só pode ser considerada controlada quando esse índice fica abaixo de 1 ao longo de pelos menos algumas semanas seguidas, de forma estável. 

Os dados foram apresentados pela secretária adjunta de Assistência à Saúde, Raquel Beviláqua, que também destacou a situação dos leitos de UTI e com suporte de ventilação mecânica para atender pacientes com covid-19.

“Tivemos um aumento dos casos ativos de covid-19, o que se refletiu em pequeno aumento na taxa de ocupação dos leitos. Em relação a leitos de UTI covid, a ocupação está em 64,71%, a leitos com suporte ventilatório pulmonar, em 58,67%, e a leitos de UTI gerais na rede, em 90,85%”, informou a secretária. 

No fim da tarde dessa segunda-feira (27), 17 pacientes com covid-19 aguardavam internação em UTI e oito já haviam sido direcionados a uma vaga. Os demais estavam em processo de direcionamento. A secretária destacou que há leitos disponíveis para atender a esses pacientes que aguardam direcionamento.

Vacinação 

Até a manhã de ontem, um total de 2,172 milhões de pessoas havia recebido pelo menos uma dose de vacina contra a covid-19 no DF, totalizando 71,16% da população. 

A imunização completa (duas doses ou dose única) foi aplicada em 1,175 milhão, o que representa 38,51% do público geral.

Por: Agência Brasil

Para continuar atualizado sobre saúde, política, cultura pop e outros assuntos, lembre de checar nosso site e seguir o nosso perfil do Instagram (@OPanoramaOficial).

Clique para comentar

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Distrito Federal

Participante de Projeto social do DF disputará Campeonato Mundial de Ginástica Rítmica no Japão

Além do Campeonato Mundial, a atleta também representará o Brasil no Campeonato Sul-americano. O projeto do qual faz parte atende cerca de 120 meninas de 4 a 20 anos de idade

Publicado

on

Foto redes sociais Ana Luisa Passos Neiva

Expressão corporal, flexibilidade e postura. Esses são os pontos fortes das meninas que frequentam a Escolinha de Ginástica Rítmica do Instituto Inside Brasil. A modalidade, que já é destaque em Brasília, despertou o interesse de cerca de 120 meninas a participarem do projeto social responsável por difundir a cultura de ginástica rítmica.


O Instituto Inside Brasil surgiu do interesse em levar oportunidade a jovens por meio de práticas esportivas, criando outros polos de incentivo à ginástica rítmica e achar novos talentos. O projeto da Ginástica Rítmica começou em 2013 com a Professora Kely Regina Silva Portela Espinola, mãe e técnica da atleta Ana Luísa Passos Neiva.

Kely foi atleta de ginástica rítmica e começou seu trabalho com a modalidade em 1995. Tempos depois, em parceria com a professora Juliana Andrade, começaram a percorrer algumas administrações regionais e cidades satélites em busca de espaço onde pudessem criar escolinhas que garantissem às crianças a oportunidade de iniciar no esporte e a partir destas escolinhas colher novos talentos que seriam enviados ao Centro de Treinamento.

Este é um trabalho que tem gerado muitos resultados tanto na área social como também esportiva. Ao longo dos anos em que o projeto está em atuação cinco atletas da instituição passaram pela Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica, tanto na modalidade individual quanto na modalidade de conjuntos. O projeto tem o apoio da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania

O projeto conta com resultados expressivos, como o da atleta Ana Luisa Passos Neiva de 17 anos, que conquistou vaga na Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica, única atleta de Brasília, e representará nosso país entre os dias 27 e 31 de outubro no Campeonato Mundial que acontecerá no Japão e no Campeonato Sul-americano de 2 a 8 de novembro na Colômbia.


Foto redes sociais Ana Luisa Passos Neiva

Foto redes sociais Ana Luisa Passos Neiva

Outras 3 atletas representarão Brasília nos Jogos Escolares no Rio de Janeiro entre os dias 27 e 31 de outubro e mais 20 atletas no Torneio Nacional em Porto Alegre nos dias 3 a 8 de novembro.

Para as aulas no Instituto Inside, as crianças recebem gratuitamente collant e agasalho. Durante os encontros, as alunas aprendem a utilizar alguns equipamentos que são o diferencial do esporte, como a corda, o arco, a bola, as fitas e as massas.

Foto redes sociais Ana Luisa Passos Neiva

A Escolinha atende meninas de 4 a 20 anos, em 3 núcleos, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, no Clube de Associados Suboficiais e Sargentos da Aeronáutica de Brasília – CASSAB, localizado no setor de clubes sul trecho 2, no Centro Educacional 03 – Centrão, ÁREA ESPECIAL B – GUARÁ II e em breve na QR 2 na Candangolândia.

Interessados em conhecer o Projeto, podem visitar os núcleos de segunda a sexta-feira das 9h às 18h, ou visitar o site do Instituto: insidebrasil.org.br ou as redes sociais @insidebrasil.

Aqueles que quiserem podem ainda contribuir com o projeto por meio de doações ao projeto de Ginástica Rítmica ou demais projetos do Instituto Inside Brasil, utilizando a chave PIX CNPJ 18.683.437/0001-32 ou ainda realizar depósito em conta corrente 96842-0 agência 2911-4 – Banco do Brasil, em nome do Instituto Inside Brasil – IIB.

Continue atualizado sobre saúde, política, cultura pop e outros assuntos: lembre-se de checar nosso site e seguir o nosso perfil do Instagram (@OPanoramaOficial).

Continue lendo

Distrito Federal

Panorama da Odontologia: Cirurgião Rogério Zambonato explica vida, trabalho e os impactos da tecnologia na nova geração

“Hoje temos uma forma completamente diferente de trabalhar, é um novo mundo”

Publicado

on

Foto: Dimitrio

Nascido em Bauru, no interior de São Paulo, a paixão do cirurgião dentista Rogério Zambonato pela odontologia começou ainda na infância. Seu pai, José Alberto de Souza Freitas, é um renomado odontólogo.

O Dr. Rogério cresceu observando o trabalho realizado no famoso Centrinho da USP , área de reabilitação de deformidades faciais que foi fundado por Tio Gastão, como seu pai era conhecido, e outros odontólogos em 1967. Mais tarde a área se tornou referência pela Organização Mundial de Saúde (OMS). De acordo com ele, ter esse contato desde cedo teve um grande impacto em sua jornada.

Foto: Dimitrio

“Meu pai foi idealizador de um hospital onde atendeu 120 mil pacientes e a gente vivia esse dia a dia de convívio com esses pacientes, passei muito tempo lá. Durante a minha jornada, os encontros em casa geralmente estavam relacionados a outros profissionais, pessoas que viam de fora pra fazer formação no hospital e acabei conhecendo a cirurgia ortognática e me apaixonei”, disse o doutor.

Especialista em cirurgia bucomaxilofacial, o Dr Rogério Zambonato estudou na USP e fez residência no Centrinho, em Bauru. Concluiu seu mestrado pela Unesp de Araçatuba e logo depois partiu para os Estados Unidos em busca de mais conhecimento e novas experiências. Durante a entrevista ele falou um pouco sobre essa experiência.

“Foi uma experiência única, não só como uma formação profissional, mas como uma formação de vida. A gente sai dos moldes de onde estamos acostumados a estar sempre segura para um país onde você tem que se estabelecer. Você precisa mostrar que você tem uma meta a ser cumprida.” falou o cirurgião

Ainda nos Estados Unidos pôde contribuir como professor convidado na Northwestern University, em Chicago, onde conviveu e acompanhou um dos grandes ícones da cirurgia ortognática, o professor Roger Kallal. Voltou ao Brasil em 1999 e chegou em Brasília nos anos 2000.

Rogério Zambonato falou ainda de sua paixão pelo ciclismo e a importância que o esporte teve para superação de uma fase difícil em sua vida.

Foto: Dimitrio

“O ciclismo ele vem como uma terapia, eu passo horas na bicicleta. Passei por um processo ruim de uma depressão e nesse processo engordei muito e perdi qualidade de vida. No processo de reconquista de saúde, foi onde achei esse esporte que não causa lesão porque não contém impacto e acabei me apaixonando”, explicou Rogério.

Para finalizar, o cirurgião falou ainda sobre as mudanças que o mundo digital proporcionou na odontologia, de modo especial na cirurgia ortognática garantindo mais benefícios aos pacientes. O cirurgião atende com foco exclusivo em cirurgia há mais de 20 anos, além de ocasionalmente ministrar palestras no Brasil e no mundo sobre o tema.

Para ter acesso a entrevista completa com o cirurgião dentista Rogério Zambonato, acesse o canal do O Panorama no Youtube.

Continue atualizado sobre saúde, política, cultura pop e outros assuntos: lembre-se de checar nosso site e seguir o nosso perfil do Instagram (@OPanoramaOficial).

Por: Malu Salete

Continue lendo

Distrito Federal

Importunador da Asa Norte é preso pela PMDF

Ele foi detido às 15h desta terça-feira (12), após duas irmãs informarem que estavam sendo seguidas na 712 Norte.

Publicado

on

Foto: PM/DF

Um homem de 34 anos foi preso pelos policiais militares do 3º Batalhão suspeito de importunação ofensiva ao pudor.

As vítimas estavam em um carro e perceberam que estavam sendo seguidas por outro veículo. Elas desembarcaram na rua das oficinas e correram até uma portaria, onde se abrigaram.

As vítimas notaram que do lado de fora estava o suspeito completamente nú e se masturbando enquanto as observava. Ao pegarem as informações do carro do homem, os policiais perceberam que era o mesmo veículo que havia batido em dois carros na noite anterior, na 709 Norte.

O carro com o suspeito foi encontrado na 715 Norte e os policiais o reconheceram, o detido rotineiramente importunava as mulheres da Asa Norte. Nenhum ilícito foi encontrado no carro que pertencia a mãe do suspeito.

Vitimas e o suspeito foram encaminhados para a 5ª DP, onde foi registrado o flagrante de importunação ofensiva ao pudor.

Por: PMDF

Continue lendo

Popular